Os indicadores de qualidade ou KPIs, como também são chamados, são métricas importantes para que uma empresa possa avaliar o desempenho de suas atividades. Eles auxiliam em vários aspectos relacionados ao sucesso, inclusive, a compreender os fatores que impedem o empreendimento de atingir os resultados desejados.

Como existem vários indicadores disponíveis, é preciso que a empresa conheça bem quais são os seus processos de produção. Isso é importante porque a escolha de determinado indicador depende de alguns fatores internos, como a quantidade de funcionários, o tipo de produto/serviço e também sua forma de fabricação.

Preparamos este post com o objetivo de mostrar os principais indicadores de qualidade utilizados pelas empresas. Boa leitura!

Por que indicadores de qualidade são importantes?

O termo KPI ou Key Performance Indicator, que em português significa indicador chave de desempenho, é o conjunto de medidas utilizadas no mundo dos negócios com a finalidade de avaliar se certos processos da empresa estão realmente atingindo o objetivo proposto.

Sua importância se estende não só ao que acontece internamente, mas também ao modo como o empreendimento é visto pelo seu público. Um exemplo desse uso é a avaliação do nível de satisfação.

Os indicadores de qualidade podem ser ferramentas cruciais para estabelecer uma política de metas. Uma situação comum é a empresa que procura melhorar a qualidade do que oferece aos seus clientes e, ao mesmo tempo, quer agilizar a sua produção sem aumentar os custos. Ela pode utilizar um indicador de eficiência e descobrir se o negócio já atingiu essa meta ou não.

Contudo, não apenas nesse tipo de situação, mas para melhor conhecer os clientes e, assim, aplicar estratégias para aperfeiçoar o atendimento, os indicadores de qualidade são fundamentais. Eles auxiliam a entender o quanto os consumidores estão satisfeitos com os produtos e serviços oferecidos e fornecem um panorama de suas insatisfações.

É bom lembrar que esse tipo de indicador não se limita apenas aos clientes, já que os funcionários também podem ser analisados por meio deles. Com isso, a partir da análise desses números, os gestores podem saber o grau de satisfação e o nível de rotatividade da empresa. Além disso, permite identificar quantos colaboradores se ausentaram em um determinado período, o que colabora para melhorar a gestão de pessoas.

Quais indicadores de qualidade utilizar na sua empresa?

Existe uma série de indicadores no mundo empresarial. Abaixo separamos os principais.

1. Eficiência

Ser eficiente é conseguir atingir um resultado gastando o menos possível, seja a matéria-prima, a mão de obra, os recursos financeiros, etc. Isto é, a eficiência está relacionada a todos os fatores que estão associados à produtividade.

No mundo dos negócios, esse indicador tem um papel fundamental para medir todos os elementos responsáveis pelos processos de produção da empresa. Eles apontam se há ou não desperdício tanto de recursos como de tempo, trabalho, entre outros.

Com esses detalhes resolvidos, a empresa consegue evitar problemas futuros com seus clientes e pode aumentar as suas chances de ter um crescimento seguro e com qualidade. Alguns exemplos de métricas que fazem parte da categoria de indicadores de qualidade de eficiência são os seguintes:

  • horas de trabalho X produção;
  • custo X processo ou atividade;
  • tempo de utilização dos equipamentos.

2. Efetividade

Esse indicador está ligado a quanto o produto ou serviço faz diferença para os resultados da empresa. Isto é, qual é a consequência que a produção tem para os objetivos do negócio. Sendo assim, podemos dizer que a efetividade é a união da eficácia com a eficiência.

Uma empresa que tem a efetividade alta, por exemplo, consegue realizar os seus produtos/serviços de maneira rápida e com pouco custo, ao mesmo tempo em que oferece qualidade para os seus consumidores. Alguns modelos desse indicador são:

  • há menos erros na produção?
  • O serviço/produto é útil para o cliente?
  • Houve aumento do faturamento?

3. Eficácia

A eficácia tem relação direta com a capacidade de realização do objetivo. De maneira geral, podemos descrever esse indicador como uma forma de saber se o que a empresa faz e, principalmente, se a maneira que ela produz está trazendo os resultados almejados.

Ao utilizar esse tipo de indicador, a empresa está mais interessada em saber dos resultados e não tanto sobre o quanto foi gasto para isso. O produto também pode ser um outro ponto de foco quando falamos de eficácia. Alguns exemplos:

  • durabilidade dos produtos;
  • confiança na qualidade do produto/serviço;
  • nível de profissionalismo da equipe.

4. Atendimento

Os clientes têm uma grande influência nesse indicador, por isso, o atendimento acaba por atuar em dois tópicos: as relações que os funcionários têm com os clientes e como o produto/serviço impacta na vida dos mesmos.

A importância desse indicador é muito grande para uma empresa. Por meio dele é possível saber se os consumidores estão satisfeitos ou não com o que o negócio faz. Ele é fundamental para não só medir o sucesso, mas também para entender como mantê-lo. Afinal, o pós-venda também será acompanhado por ele. Exemplos:

  • nível de satisfação dos clientes;
  • grau de reclamações;
  • quantidade de produtos devolvidos;
  • nível de atendimento da empresa.

5. Segurança

A segurança é uma qualidade fundamental para qualquer negócio. Principalmente, como indicador, ela não está apenas relacionada com a preservação do cliente, isto é, se o produto/serviço oferecido pode provocar algum risco a saúde ou integridade dele. A segurança também pode ser uma métrica utilizada internamente para descobrir se o processo de produção adotado pela empresa coloca em risco a vida dos funcionários.

Por isso, ele é um indicador tão importante quanto o de atendimento e deve ser sempre utilizado periodicamente e quando houver uma nova estratégia de produção. Alguns modelos:

  • verificar as medidas de segurança;
  • verificar se a produção atende às certificações e normas;
  • analisar o nível de devoluções e trocas de produtos.

Como podemos perceber, os indicadores de qualidade são métricas fundamentais para o sucesso de um negócio. Primeiro, pela sua capacidade de acompanhar as operações da empresa e, segundo, pelos seus resultados auxiliarem os gestores a entender quais são os pontos positivos e negativos do empreendimento.

Por isso, ressaltamos o quanto é importante procurar pelos indicadores adequados aos seus objetivos para não perder tempo em KPIs que não trarão as informações necessárias.

E aí? Este post foi útil para ajudar a conhecer alguns indicadores de qualidade e entender a importância dessa ferramenta? Quer continuar a aumentar seu conhecimento? Então acesse agora o nosso texto sobre como melhorar a gestão de qualidade da sua empresa!

Escreva um comentário

Share This