O novo contexto social e organizacional transformou o modo de trabalhar e gerir uma empresa. O papel do gestor ainda é coordenar a equipe e gerar resultados, porém, a forma de atingir essas metas precisa ser revista e, nesse contexto de reajuste organizacional, destaca-se o profissional que é um líder transformador.

Com base em valores sólidos e em uma preocupação profunda com o bem-estar, a participação e o desenvolvimento da equipe, uma liderança transformadora consegue assentar as bases para o desenvolvimento sustentável de qualquer organização, garantindo a rentabilidade e a consolidação da sua missão social.

Se você ocupa ou pretende ocupar um cargo de liderança, fique atento às próximas linhas, pois vamos apresentar as características fundamentais de um líder transformador e os benefícios desse modelo de gestão para o desenvolvimento da organização em que você atua. Boa leitura!

Características fundamentais de um líder transformador

São grandes os benefícios da adoção desse modelo, mas, para obter os resultados é preciso desenvolver algumas características e habilidades.

Propósito inabalável e valores claros

A mais importante dessas características é a clareza do propósito. Um grande líder precisa ter um objetivo bem definido e valores fundamentais que conformam sua postura para atingir esse objetivo.

Apenas com essas definições claras internamente, o líder consegue externalizar as finalidades do trabalho para a equipe e engajá-la na busca pela missão da empresa.

Habilidade de comunicação e respeito às pessoas

Para difundir esses valores, o profissional em um cargo de chefia precisa de grande capacidade de comunicação. Não apenas em oratória, mas na capacidade de colocar-se no lugar dos colaboradores, ouvi-los com atenção, compreender suas demandas e objetivos e apresentar as necessidades da empresa, conciliando os interesses individuais dos funcionários e da organização como um todo.

Coerência entre os valores e a prática

Contudo, por mais nobre que seja o propósito do gestor e por maior que seja sua capacidade de comunicar seus valores para a equipe, eles causarão pouco efeito caso os comportamentos do líder não reflitam seu discurso.

No cotidiano do trabalho, um líder transformador precisa transparecer os valores e comportamentos que prega para a equipe, sendo, de fato, um exemplo de colaborador.

Capacidade de desenvolver pessoas

Um profissional adaptado a um novo modelo de liderança precisa se desprender de vaidades e buscar desenvolver todos os colaboradores dentro da sua equipe.

Um líder transformador reconhece o empenho dos funcionários e fornece feedbacks periódicos para aconselhá-los sobre o melhor caminho para evoluir dentro dos objetivos de cada um.

Aptidão para ensinar com excelência

Um líder inspirador também cumpre uma função pedagógica e, além de inspirar os colaboradores, deve orientá-los sobre a melhor maneira de executar o trabalho. Mais que isso, o líder precisa estar sempre em busca de novos conhecimentos e inovações que ampliem a eficiência da produção.

As novidades devem ser difundidas para a equipe e o líder deve sempre possibilitar e incentivar que outros colaboradores façam o mesmo e busquem conhecimentos que possam facilitar seu trabalho.

Benefícios da liderança transformadora

A transformação que envolve a adoção desse modelo de gestão é lenta e os novos e antigos líderes precisam ser treinados dia a dia para conciliar a busca pela produtividade e o bem-estar dos colaboradores.

No entanto, é preciso ter visão para persistir no novo modelo, quebrar resistências internas e insistir na busca dos resultados de médio e longo prazos.

Melhoria na qualidade de vida dos funcionários

Com a melhoria da qualidade de vida dos colaboradores da organização, por meio de um líder capaz de ouvi-los, ciente dos objetivos dos funcionários, é possível direcionar a evolução deles, inclusive em outro departamento, no qual serão mais felizes e, assim, produzirão mais.

Redução do turnover

Uma das maiores dificuldades das organizações é encontrar mão de obra qualificada para tocar a operação e desempenhar as funções gerenciais. Com um líder transformador, essa dificuldade continua existindo, no entanto, como os colaboradores estão mais felizes e engajados, a chance de um deles abandonar a função é muito menor.

Assim, você reduz os custos com novas contratações e com o treinamento de novos colaboradores.

Além disso, um líder com as características mencionadas acima consegue formar outros profissionais com muito mais agilidade e, ainda, desenvolver as capacidades técnicas de cada um para que eles possam ascender a posições mais elevadas do organograma organizacional.

Aumento da produtividade

Uma equipe conduzida por alguém que entende e vivencia a missão organizacional e tem um compromisso inabalável com os resultados impacta diretamente na produtividade. Afinal, dedica-se com mais afinco às atividades cotidianas ciente de que seu desempenho é acompanhado e que cada atividade é importante para seu desenvolvimento.

Além disso, a equipe se sente parte de todo o processo e dos resultados e busca sempre formas de reduzir despesas desnecessárias e aumentar o faturamento.

Disseminação da cultura da empresa

Por fim, a postura e o comprometimento de um líder transformador contribuem positivamente para a difusão da missão e da visão da empresa e, assim, também colaboram para que todos engajem na busca da satisfação da função social da organização.

Com tudo que foi dito, parece claro que a incorporação de um estilo de liderança transformador contribui para que a empresa simultaneamente atinja o lucro e colabore para o bem-estar de todos os funcionários  e, consequentemente, da sociedade em geral.

Mas, para que isso seja possível, é indispensável que o líder desenvolva sua capacidade de comunicação, sobretudo, a percepção e escuta das necessidades dos colaboradores e tenha claros para si os valores e o propósito da empresa em que trabalha.

Mais que isso, o gestor precisa incorporar esses valores e vivenciá-los no cotidiano do seu trabalho, aplicando metodologias de feedback e gestão que, de fato, agreguem à equipe operacional no planejamento tático para que ela se sinta parte de tudo que a empresa produz.

É um longo caminho até se tornar realmente um líder transformador, mas toda sua jornada precisa começar com os primeiros passos e muita disposição para enfrentar os desafios. Para auxiliá-lo nessa caminhada, preparamos um conteúdo completo com os principais desafios de um líder e as melhores práticas de liderança e gestão de pessoas. Confira!

Escreva um comentário

Share This