Engajamento de clientes: confira dicas de como melhorá-lo

7 minutos para ler

Uma das maiores preocupações dos empreendimentos está no engajamento de clientes. Apesar de ser algo complexo de se mensurar e de conseguir, a satisfação dos clientes está diretamente relacionada à rentabilidade de uma empresa. Mas, afinal, o que é engajamento de clientes?

Trata-se de uma estratégia que as empresas utilizam para se aproximar dos consumidores, criando um relacionamento emocional e profundo com eles. O objetivo é alcançar sua lealdade e sua fidelidade. Sabe-se que, por maior que seja o esforço da marca, é o público que determina o tipo de atividade que ele se interessa em participar.

Por esse motivo, é papel da empresa tentar entender os diferenciais e os benefícios de seus produtos e serviços, bem como os motivos que estão por trás das decisões de compra, potencializando, assim, esse resultado. A seguir, confira algumas dicas relevantes de como melhorar o engajamento na sua empresa!

Conheça bem o cliente

Conhecer bem o cliente significa ir além de apenas dados demográficos. É necessário conhecer a fundo o seu público, o que inclui seus objetivos, comportamentos e necessidades. Você ainda não tem ideia alguma de quem é seu público-alvo? Então, sua empresa precisa criar suas buyers personas o mais rápido possível.

Durante esse processo você terá a chance de identificar melhor sua audiência. Podemos dizer que as buyers personas são representações generalizadas e fictícias de seus compradores ideais. São indispensáveis para guiar o desenvolvimento de produtos, a criação de conteúdo, o acompanhamento de vendas, enfim, tudo o que está ligado à aquisição e à retenção de clientes.

Você deve estar se perguntando: como conseguir todas essas informações? Bem, as buyers personas são criadas com base em entrevistas, estudos e pesquisas de satisfação, fazendo uma mistura tanto de prospects quanto de clientes reais. Para que você comece a alimentar uma base de contatos com a qual você possa realizar esse trabalho, inclua campos no formulário das suas landing pages que capturem dados importantes.

Assim que você tiver uma base de contatos em mãos, comece a entrevistar prospects e clientes, seja por telefone, e-mail, ou até mesmo pessoalmente. O objetivo é descobrir o que os consumidores mais gostam sobre seus serviços ou produtos. Além disso, lembre-se de perguntar sobre as metas, hobbies, os problemas que estão buscando solucionar, onde consomem conteúdo e muitos outros elementos relevantes.

Esteja presente nas redes sociais

Nos dias de hoje, marcar presença nas redes sociais é praticamente uma obrigação e ela não vale apenas para os e-commerces. Além de facilitar a divulgação e o compartilhamento de conteúdos relacionados ao negócio, as redes sociais são como pontos de encontro com os clientes, permitindo que você interaja e troque ideias com pessoas interessadas na sua marca e, também, com o público já convertido.

No entanto, é importante entender que você não precisa manter um perfil em cada rede social, afinal de contas, algumas são direcionadas a nichos bem específicos de clientes. Mas ter uma página no Facebook é algo indispensável, afinal, estamos falando de uma das redes sociais mais usadas no mundo, com mais de 2,3 bilhões de usuários. Ou seja, a chance da sua persona estar presente no Facebook é extremamente alta.

Após criar seu perfil, faça um bom planejamento das postagens e procure entender qual tipo de conteúdo funciona em cada plataforma. Outra dica é não deixar de atualizar o perfil com regularidade para que você possa engajar os consumidores.

Entregue algo de valor sem cobrar nada em troca

As empresas que conseguem conquistar os melhores resultados de engajamento de clientes são as que focam mais na criação de valor do que apenas na geração de receitas, ou seja, nas vendas. São organizações que oferecem às pessoas algo que seja realmente significativo sem cobrar nada em troca.

Isso pode ser feito por meio de amostras de produtos ou de versões de serviços ou, ainda, a partir de entregas de alto valor agregado, por exemplo. Os clientes passam a interagir mais com a marca, além de compartilhar essas experiências com outras pessoas, atraindo um novo público para a empresa. Dessa forma, o engajamento ganha um ciclo consistente e contínuo.

Estimule a interação

Em um relacionamento saudável, ambas as partes precisam ter voz, concorda? Assim, você jamais pode colocar sua empresa em um pedestal e deve ser acessível e disponível. Seus clientes não só podem como devem interagir com a marca.

Com esse objetivo, o ideal é que você crie posts nas redes sociais que estimulem a interação, seja elaborando enquetes e perguntas, seja fazendo brincadeiras, por exemplo. Além disso, uma boa dica é utilizar os recursos de grupos em plataformas como o LinkedIn e o Facebook. Para engajar os consumidores, você pode convidá-los a contar histórias – principalmente as que envolvem o seu negócio!

Ofereça um suporte impecável

Lembre-se de que oferecer um serviço com qualidade pode criar uma grande fidelidade. Mas, afinal, como dar suporte ao cliente de modo adequado e no momento correto? Bom, tudo precisa começar com um verdadeiro desejo de encantar os clientes – e é importante saber que isso vai muito além de oferecer seus serviços ou produtos. É preciso, neste momento, esquecer-se da intenção de venda e considerar a experiência que os consumidores adquirem quando visitam o seu site ou sua loja física.

O que eles sentem e pensam sobre o seu negócio? O que pode ser feito para melhorar? Essas duas perguntas são fundamentais e devem ser feitas para garantir um suporte exclusivo para seus clientes. Os consumidores desejam, acima de tudo, ter a tranquilidade e o conforto de se comunicar com a marca por meio dos canais que mais usam no dia a dia, o que pode ser feito por telefone, redes sociais, chat, SMS, e-mail, comentários em blogs e muito mais.

Procure sempre adotar um atendimento proativo, ou seja, uma abordagem diferente de suporte ao consumidor, na qual a sua empresa é quem dará o primeiro passo para ajudá-lo. Lembre-se de que isso só se torna possível quando os profissionais de uma empresa utilizam as informações disponíveis para identificar problemas potenciais em algum serviço ou produto e também padrões de comportamento.

O objetivo é sempre resolver os problemas e atender às necessidades dos clientes antes que eles entrem em contato com a empresa.

Produza conteúdo relevante

Para engajar clientes, é imprescindível que você não limite o relacionamento às transações comerciais. E qual seria a melhor forma de manter seu espaço na rotina dos consumidores? Compartilhando informações que sejam realmente úteis para eles!

O que acha de ensinar seus clientes a usarem melhor seu serviço ou produto, por exemplo? Lembrando que você pode fazer isso de várias formas: por meio de posts em redes sociais e blogs, vídeos postados no YouTube, por meio de webinars ou artigos compartilhados via e-mail marketing, etc. Você só precisa escolher o meio que traz mais engajamento e começar agora mesmo!

Seguindo essas dicas relevantes, é apenas questão de tempo para que você consiga engajar seus clientes. Independentemente da estratégia que você escolher, lembre-se de fazer tudo com bastante profissionalismo, pois em um mundo completamente conectado, ações mal executadas podem tomar grandes proporções, causando o efeito contrário para o seu negócio.

E aí, gostou das dicas sobre como aumentar o engajamento de clientes? Ficou com alguma dúvida ou quer acrescentar informações? Então aproveite para deixar o seu comentário e compartilhar suas ideias conosco!

Posts relacionados

Deixe um comentário