É certo que os consumidores estão cada vez mais exigentes e, diante da grande variedade de produtos e serviços oferecidos no mercado, ganhar uma posição de destaque entre a concorrência é medida essencial para quem quer garantir o nome de seu empreendimento na boca da clientela.

Para tanto, além de oferecer um serviço ou produto de qualidade, atender com excelência e buscar um feedback dos consumidores, o empresário deve participar de eventos e buscar prêmios e reconhecimentos para a sua organização.

Conheça, no nosso post, o “Melhores em Gestão®“, um processo de avaliação e reconhecimento para empresas da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) e destaque-se entre os seus concorrentes. Arregace as mangas e faça parte das melhores empresas em gestão do Brasil. Vamos lá!

O que é o “Melhores em Gestão®”?

Em 1991, foi criada a Fundação Nacional da Qualidade, um centro brasileiro de estudo e disseminação de inteligência em gestão. Essa instituição, sem fins lucrativos, atua com o fim de propagar conhecimentos e metodologia importantes na área da gestão organizacional e, como uma das formas de cumprir essa missão, estabeleceu o Prêmio Nacional da Qualidade® (PNQ), o qual teve uma trajetória de sucesso por 25 anos e que, em 2016, foi reformulado e passou a se chamar “Melhores em Gestão®“, rodando seu primeiro ciclo em 2017.

O seu objetivo é avaliar a maturidade da gestão das organizações brasileiras, reconhecer e destacar as empresas que atuam de forma sustentável e cooperativa e as quais têm um grande valor para a sociedade.

Em outras palavras, mais do que um reconhecimento, o “Melhores e Gestão®” destaca as empresas que têm a excelência como foco e prática de seus negócios.

Qual o objetivo do reconhecimento?

Conforme mencionado acima, o sistema de avaliação usado engloba uma série de fatores com base no Modelo de Excelência da Gestão® (MEG), da FNQ, buscando, de forma efetiva, companhias que realmente fazem a diferença nos dias atuais – considerando, em sua análise, os processos e os resultados organizacionais. Por isso, o seu objetivo é buscar e reconhecer empresas que merecem o devido destaque diante da ampla concorrência do mercado.

Como tal análise ocorre de forma minuciosa, o Melhores em Gestão® avalia os processos internos das companhias inscritas, com base no MEG – Instrumento de Avaliação da maturidade da gestão, que pode alcançar até 1.000 pontos.

Ao final, depois de todas as etapas cumpridas, a FNQ define, com base em uma faixa de corte, uma lista com as organizações candidatas que se destacaram no ciclo vigente e promove um evento de divulgação e reconhecimento dessas empresas, dando visibilidade àquelas que são referência em gestão no País.

De que forma as organizações são reconhecidas pelo “Melhores em Gestão®”?

Existem cinco etapas para que as organizações sejam reconhecidas no processo do “Melhores e Gestão®“. A primeira delas é a inscrição no processo, a partir do pagamento de uma taxa de inscrição, e o fornecimento de dados e documentação pela empresa, para a confirmação de sua elegibilidade. É essencial, por exemplo, que a companhia tenha sua instalação no Brasil e, no caso de unidade autônoma, que seja facilmente distinguida de sua corporação.

Se elegível, a organização avança à segunda etapa e oferece informações complementares para a candidatura, como o perfil da organização, as evidências e os indicadores de desempenho utilizados.

Para participar da terceira etapa, que é a avaliação in loco, é necessário pagar uma taxa de visita. Nesse momento, os avaliadores da FNQ – profissionais extremamente capacitados e especialistas no MEG – comparecem à unidade empresarial em um grupo de quatro pessoas: um avaliador líder e três voluntários. A partir das informações previamente prestadas, os avaliadores realizam um planejamento de visita mais adequado para verificar a veracidade de todas as questões.

Com a quarta etapa, depois de todas as organizações serem visitadas, uma nota de corte é definida a partir das informações colhidas, estabelecendo uma pontuação mínima para o reconhecimento das empresas “Melhores em Gestão®“.

Na quinta etapa, as empresas que pontuaram acima da nota de corte são avaliadas pelo Comitê Consultivo da FNQ, por meio de uma banca de julgamento. O motivo dessa análise é pesquisar se existe alguma situação que pode ensejar a desclassificação da organização e garantir a lisura no processo.

Passadas todas essas etapas de forma positiva, as organizações chegam ao final e passam a compor a lista das “Melhores em Gestão®“. Vale mencionar, inclusive, que as três melhores colocadas recebem um troféu da FNQ.

Por que participar do “Melhores em Gestão®”?

A mudança no cotidiano da companhia que participa do processo do “Melhores em Gestão®” começa a partir das suas bases, com a reorganização empresarial: uma visão sistêmica passa a ser aplicada e uma importante mobilização interna começa a acontecer para que todas as áreas participem do reconhecimento.

Assim, além da melhoria da sistematização empresarial e do alcance e envolvimento de todos os colaboradores, depois da análise realizada pela FNQ, é apresentado um importante relatório, constando todos os aspectos positivos da empresa, além de oportunidades para a melhoria do sistema de gestão.

Ao final, o reconhecimento público da empresa avaliada positivamente dentro do “Melhores em Gestão®” é um ponto que merece destaque, seja para ampliar a clientela, seja para fidelizar os consumidores já existentes.

Para a especialista da FNQ, Marcela Ferreira Ignez Beltramin, além da visibilidade para a organização, fazer parte da lista das “Melhores em Gestão®” significa que ela é considerada uma organização que chamamos de nível “classe mundial”. Esse reconhecimento entre as melhores organizações torna a empresa uma importante referência para as demais.

São diversas as razões e os bons motivos para a inscrição de sua empresa no “Melhores em Gestão®“: o empreendedor de sucesso sabe que o seu negócio precisa estar em constante evolução e, para tanto, avaliações são necessárias.

Participe do “Melhores em Gestão®“, da FNQ, estruture ou reestruture o seu negócio da melhor forma possível, busque a união de todos os setores, conte com o apoio dos colaboradores e absorva com atenção o relatório elaborado pelos avaliadores da Fundação. Saiba que essa avaliação é muito importante para o crescimento de sua companhia e tire o máximo de proveito de todo o processo. Boa organização, boa sorte e esteja pronto para se tornar um dos melhores em gestão!

Gostou de conhecer o processo de avaliação e reconhecimento da FNQ? Saiba mais, agende uma conversa com um de nossos consultores.

*Colaboração de Marcela Ferreira Ignez Beltramin

Escreva um comentário

Share This